Entrevista: Sindsec nega impedimentos para novas filiações

Após suspensão da assembleia do dia 26 de janeiro, por meio de liminar concedida pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT), expedida no último dia 21, servidores públicos alegam dificuldades para fazer o procedimento de filiação ao Sindicato dos Servidores de Camaçari (Sindsec).

De acordo com os relatos dos trabalhadores, no intuito de impedir a filiação, no dia 25 e 26 de janeiro o Sindicato esteve fechado e o processo não pôde ser realizado.

Ao ser consultado sobre o assunto, o presidente do Sindsec, Silval Cerqueira, afirma primeiro que o sindicato está sempre aberto das 8h às 17h, que os servidores podem ir lá e se filiar.

Entretanto, mais adiante, desconversa e diz que “às vezes o sistema cai” e que excepcionalmente hoje, quinta-feira, 28, a funcionária capacitada para realizar tal procedimento está de licença médica.

Relatou que há aproximadamente 1mil servidores cadastrados, mas que durante esta semana nenhum funcionário público procurou o Sindsec para filiar-se. “Até o momento não apareceu ninguém”, informou.

 

 

“Eles (PC do B) querem tomar o Sindicato”

De acordo com Cerqueira, há um grupo de pessoas vinculadas ao partido do PC do B que o persegue e tem relações com o PT e o DEM. “Eles acendem a luz para Deus e o diabo”, bradou.

O presidente do Sindsec acusa que “eles querem tomar o Sindicato” e fazem parte de um “grupelho pertencente a chapa que perdeu as eleições”, referindo-se ao grupo SOS Servidores.

 

Silval quer ampliar mandato para colocar o vice, "amigo Oliveira”

A assembleia convocada para o dia 26 de janeiro previa ampliação de mandato para seis anos, alterações no Estatuto Social, filiação e desfiliação de central sindical, criação e filiação à federação e confederação e mudança de endereço da sede do sindicato.

Porém, a realização foi cancelada devido à intervenção da Justiça do Trabalho, que determinou que enquanto não houver as 197 filiações anexadas ao processo, o Sindsec não poderá agendar nova data. A determinação prevê multa de R$100 mil caso haja descumprimento.

Ciente do processo e de audiência a ser realizada no próximo dia 11 de fevereiro declara: “Que eles se apresentem com as acusações e eu com minha defesa”.

De acordo com Silval, ele já está há dez anos como presidente e seu mandato encerra em 2018. “Está pouco”, observa.  Com a prorrogação para seis anos, encerraria em 2020.

Mas ele afirma que pretende sair daqui a três meses, caso consiga a aprovação da proposta de ampliação e colocar o “Oliveira” – servidor que o presidente desconhece o prenome – para substituí-lo.

Questionado sobre possível candidatura, declara que é político por “temporada” e que se reunirá com os servidores para ver o melhor nome para representar a categoria. “Eu posso me lançar se alguém não sair”, finalizou.

 

Confira a entrevista completa com o presidente do Sindsec:

 

 

Leia também:

Servidores retornam à prefeitura em nova tentativa de aprovar ata 

Greve continua e vereadores não votam projeto de reajuste 

Servidores não conseguem aprovar nova ata e sessão extraordinária tem início na Câmara

Vereadores manifestam opinião sobre situação dos servidores

Servidores assumem comando de assembleia 

Convocada Sessão Extraordinária para votar reajuste dos servidores ainda hoje

Prefeito sugere negociação com o funcionalismo mas reafirma mesma proposta de 6,41%

Presidente do Sindsec encurrala servidores para garantir aprovação da proposta do governo

Camaçari: Reajuste do funcionalismo sai de votação e surge nova possibilidade de negociação

Bola pro mato que o jogo é de campeonato: Marcelino pode retirar reajuste de pauta

Sindsec convoca Assembleia simultânea à votação salarial na Câmara

Prefeito joga casca de banana e vereadores têm que decidir reajuste do funcionalismo 

Vereadores deverão votar reajuste dos servidores na próxima semana

Prefeitura encerra negociação salarial e remete decisão final para vereadores 

Rate this item
(1 Vote)
Alice Coelho

Alice Coelho é jornalista, escritora e blogueira. Adora a vida, natureza, crianças, idosos e todos os bichinhos do mundo, sobretudo seus coelhos de estimação. Nas horas vagas, quando não está limpando gaiolas, trocando fraldas higiênicas e alimentando seus semelhantes, Coelhinho SebastiãoCleo Coelho Marinho FerrãoKika Coelho FerrãoMandela Coelho Ferrão, brinca de editora-chefe na Revista Livre e Folha de Camaçari.

 

E-mail: alicoel@hotmail.com

Comente no Facebook


Strict Standards: Non-static method JApplicationSite::getMenu() should not be called statically in /home/revistalivrebr/public_html/folhadecamacari.com.br/modules/mod_phoca_facebook_comments/mod_phoca_facebook_comments.php on line 14

Strict Standards: Non-static method JApplicationCms::getMenu() should not be called statically in /home/revistalivrebr/public_html/folhadecamacari.com.br/libraries/cms/application/site.php on line 272

Notice: Undefined variable: this in /home/revistalivrebr/public_html/folhadecamacari.com.br/libraries/cms/application/cms.php on line 434

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/revistalivrebr/public_html/folhadecamacari.com.br/modules/mod_phoca_facebook_comments/mod_phoca_facebook_comments.php on line 14

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/revistalivrebr/public_html/folhadecamacari.com.br/modules/mod_phoca_facebook_comments/mod_phoca_facebook_comments.php on line 15

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/revistalivrebr/public_html/folhadecamacari.com.br/modules/mod_phoca_facebook_comments/mod_phoca_facebook_comments.php on line 29